Eu Sou Lobo – Álvaro Junior

Como muitos de vocês sabem, todo mês, selecionamos um atleta da Lobo para contar um pouco de sua história e mostrar como o esporte mudou sua vida. Neste mês, temos o prazer de apresentar-lhes: Álvaro Junior.

Veja abaixo mais sobre nosso bate-papo com o atleta:

Lobo Assessoria: Álvaro, conte-nos um pouco sobre você e de como começou a correr…

Álvaro Junior: Desde que comecei a trabalhar, aos 14 anos, praticamente parei de fazer exercícios. Trabalhava durante o dia e estudava a noite, então não tinha muito tempo para exercícios, já que nunca tive costume de fazer. Também não cuidava da alimentação.

Depois que casei, fui engordando um pouco por ano, e quando meu filho nasceu após 6 anos de casado, já havia passado dos 90Kg. Minha esposa sempre me incentivou a me cuidar, já estava começando a ter problemas de saúde e ela dizia que queria eu por muitos anos ainda, e daquela maneira ia encurtar meus dias. Por causa do incentivo dela, e pensando em ser exemplo para meu filho, comecei a fazer academia. Sempre que entrava na academia era para perder peso, ficava no máximo 3 meses e parava. Fazia bastante bicicleta e a musculação, mas não conseguia prosseguir.

Dessa vez foi diferente, comecei a fazer esteira no aquecimento para a musculação, e vi que a cada dia conseguia correr um pouco mais. Comecei a me empolgar, e em um mês de treino, participei da minha primeira prova. Era uma prova de 3 milhas, no Autódromo de Interlagos, e fui com o objetivo de terminar a prova sem andar. Fiz a prova em 31:26, sem andar, e gostei muito do clima de prova.

Me apaixonei pela corrida, e agora já são 6 maratonas e inúmeras outras provas.

Lobo Assessoria: O que manteve você motivado todos esses anos de corrida?

Álvaro Junior: Já corro a mais de 6 anos, e continuo buscando novas metas, buscando sempre melhorar meus tempos nas provas, acredito que hoje a principal motivação é essa. Mas penso que o principal é isso, ao alcançar uma meta já devemos traçar outra, para continuar motivado.

Quando não conseguir baixar mais meus tempos, procurarei outras metas. Conseguir boas colocações na categoria, aumentar a distância, correr montanhas, talvez triathlon, etc…

LA: Como foi a processo de emagrecimento e a corrida para você?

AJ: Quando decidi emagrecer, resolvi tomar os shakes da Herbalife. Já conhecia os produtos de outra época, então comecei a tomar todos os dias na hora do almoço. Três meses depois comecei a academia e a corrida, mas continuei com os shakes. No período de um ano, perdi 21 quilos e mantenho esse peso, com algumas variações até hoje. Atualmente até baixei mais um pouco.

LA: Quais são seus próximos desafios e provas alvo?

AJ: Meu próximo desafio é fazer os 10K na Tribuna abaixo dos 40′, em junho fazer a maratona de Porto Alegre abaixo de 3h10, e em seguida fazer um bom tempo na Muralha, maratona que ano passado subiu a serra de Penedo até Visconde de Mauá, e esse ano fará o percurso contrário.

Acabei de atingir meu objetivo de fazer uma meia-maratona abaixo de 1h30, na meia da Corpore, com 1:29:37.

LA: Qual a dica que pode dar para quem quer iniciar a corrida e ainda não conseguiu?

AJ: Começar. Dar o primeiro passo, sempre vamos arrumar desculpas para não começar, ou pra matar um treino. Eu até hoje muitas vezes estou sem vontade, mas quando faço o treino, ao final termino com muita satisfação.

É preciso criar uma rotina. De preferência arrumar alguém pra acompanhar, se possível entrar em uma assessoria.

LA: Qual prova mais te marcou e por quê?

AJ: Minha primeira maratona. Foi emocionante, no final da prova passava um filme na minha cabeça. Ia relembrando tudo que passei pra chegar até ali, desde a perda de peso, até todos os treinos realizados, e a perda do meu pai no ano anterior. Não conseguia correr 500m e estava acabando de terminar uma maratona.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: